publicidade

Blumenau valoriza a tradição no lançamento dos 53º JASC


Evento ocorreu há 100 dias do início do evento no Vale do Itajaí


Escrito em 13/08/2013


Em uma cerimônia que valorizou o passado de conquistas, Blumenau lançou na segunda-feira à noite, em um auditório lotado do Teatro Carlos Gomes, a 53ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC).

Desde a entrada, decorada com muitos dos 39 troféus de campeã geral conquistados pela cidade ao longo dos anos, até as homenagens na cerimônia, tudo lembrou a rica história da relação entre Blumenau e os JASC. Teodorico Rocha, o primeiro medalhista da competição, no salto em distância dos Jogos de Brusque, em 1960, recebeu uma justa homenagem. Depoimentos de atletas e ex-atletas, entre eles o atual presidente da Fundação Municipal de Desportos (FMD Blumenau), o marchador olímpico Sérgio Galdino, também reservaram dose extra de emoção ao público.

Durante a cerimônia foi iniciada a contagem regressiva para a edição 2013, já que passaram a faltar exatamente 100 dias para a abertura, em 20 de novembro. E quem estava no auditório conheceu a música tema dos JASC 2013, criada pelo músico Lino Vieira, figura das mais populares na cidade e que se revelou um ex-atleta dos Jogos Abertos, no atletismo, nos anos 70 e 80.

Nos discursos das autoridades, falaram o presidente da Fesporte, Erivaldo Caetano Junior, o Vadinho, o secretário estadual de Turismo, Cultura e Esporte, José Roberto Martins (na cerimônia representando o governador Raimundo Colombo), o deputado estadual Gilmar Knaesel e o prefeito de Blumenau, Napoleão Bernardes. Em comum, todos ressaltaram a importância do esporte na formação de atletas e também de melhores cidadãos. E que em Santa Catarina esse papel historicamente cabe aos Jogos Abertos, e daí a importância de resgatar sua tradição de mais de meio século.

Fonte: Com informações da Assessoria de Imprensa da Fesporte

PUBLICIDADE

Publicidade
Publicidade
Publicidade