publicidade

Cinco jogadores do Atlético iniciam a semana no DM


Jean Carlos, Beto, Thiago Santos, Raul e Xipote já estão em tratamento para poderem jogar em Chapecó


Escrito em 16/04/2013


Os problemas de contusão não param no Atlético Hermann Aichinger. No primeiro dia de preparação para a partida decisiva às pretensões de disputar o Campeonato Brasileiro da Série D, cinco jogadores estão no Departamento Médico. Os atacantes Jean Carlos e Beto atuaram praticamente sem condições diante do Camboriú. O meia Thiago Santos sentiu desconforto na coxa e saiu logo aos 31min da fase inicial. O ala Raul deixou o campo aos 25min da etapa complementar com dores no tornozelo. O volante Xipote jogou quase toda a segunda etapa na base do sacrifício, porque não haviam mais substituições.

De acordo com o médico Roger Duarte, os cinco jogadores iniciaram o tratamento já na segunda-feira, mas ainda é cedo para definir se eles estarão recuperados até domingo, quando o time de Ibirama enfrenta a Chapecoense, na Arena Condá. Em caso de vitória e derrota do Criciúma, o Atlético além da vaga para a Série D, conquista o returno do Estadual. O meia Thiago Santos, que chegou ao clube no decorrer do returno, lamentou a sua lesão. “Esse jogo (com o Camboriú) era o que eu precisava para mostrar o meu futebol”. Ele garante que estará em campo. “É um jogo de vida ou morte para a gente”.

O técnico Mauro Ovelha está preocupado porque desta vez o número de lesionados é bem maior. “Se eu perder apenas dois jogadores, independente de quem seja a coisa fica complicada”. Os treinos da semana serão leves, por medida preventiva. A viagem para Chapecó, que inicialmente estava prevista para sábado ao meio-dia, poderá ser na sexta-feira, no mesmo horário. Isso evitaria o desgaste da viagem de 410 quilômetros, entre Ibirama e Chapecó. Caso se confirme, o time treina no sábado pela manhã, oportunidade que Ovelha define o time.

Fonte: Texto com informações de Orlando Pereira/CAHA

PUBLICIDADE

Publicidade
Publicidade
Publicidade