publicidade

Futsal: mais que um esporte, uma paixão


Em Vidal Ramos o encanto pelas quadras ultrapassam gerações e prova que o amor sempre vence


Escrito em 25/05/2017


Não é difícil encontrar por aí aquela receita de vó que é sucesso até hoje, ou, a brincadeira inventada pelo avô que ainda permanece na família. As culturas que passam de gerações em gerações são muitas vezes engraçadas, encantadoras e até curiosas. Em Vidal Ramos é a paixão pelo futsal que faz história, resiste ao tempo e prova que no fundo, quem vence é sempre o amor.
 
Com a neta na arquibancada, Sônia Schmitz, de 50 anos, faz bonito em quadra. Apaixonada pelo futsal ela é a titular da equipe Schmitz, que está na final do Campeonato Municipal de Futsal - Taça Pedro Elias Franzen. O time é novo, foi formado nesse ano, ao contrário da competidora, que já acumula anos de experiências no esporte. Prova disso são as várias medalhas de ouro que possui, ainda da época em que defendia o time Lanchonete do Neném, também no municipal.
 
A paixão pelo futsal corre nas veias de Sônia. Mas, na família Schmitz não é só ela que faz história no esporte. A exemplo dela, o filho Tiago também faz bonito em quadra, honrando a camisa e seguindo os passos da mãe. Ele integra a equipe do Bera Futsal, campeão em 2016 na primeira divisão e que, neste ano, volta a disputar o título contra a equipe da Mecânica Dalprá.


Pai (12) e filho (8) defendem o título para Rio das Pacas

Na casa deles futsal é assunto sério e só fica de lado quando a conversa é a bocha. Isso porque o marido da Sônia, o Francisco Schmitz, é outro apaixonado por esporte. Ele não mata no peito e manda para o gol, mas pontua como ninguém na cancha. Não é a toa que é campeão na bocha pela equipe que leva seu sobrenome.
 
Com todos envolvidos nos esportes, apenas uma dúvida cerca a família Schmitz: Será que a netinha de cinco meses, filha da primogênita Tamara, gosta mais da bocha ou do futsal? Isso só o tempo dirá, mas, se depender do DNA, ela já é uma esportista.  
 
Pai e filho juntos pelo título
 
Se o coração da mãe já acelera em dias de jogos normais, imagina em uma final de campeonato. Na equipe do Rio das Pacas, que também defende o título no próximo sábado, pela segunda divisão, pai e filho estarão em quadra para competirem juntos pela primeira vez.
 
Moacir Schaffer já é reconhecido no meio do futsal e faz parte da história do esporte vidalense. Mas, agora quem chama a atenção nos jogos é o filho Lucas, de 15 anos.
Incentivado pelos pais, desde muito pequeno o jovem tinha o futsal como sua grande paixão. O talento em quadra é tanto, que ele já é conhecido em Santa Catarina por onde circula com a equipe da Fexponace de Ituporanga no Estadual.
 
Nesse fim de semana, pai e filho se juntam para defender o título de campeão da segunda divisão pela Rio das Pacas, que joga contra o Florestal. Os jogos só ocorrem no sábado, dia 27 de maio, mas a emoção já toma conta da família.
 
 Uma família de goleiros
 
Bola na rede pra fazer o gol e...defesa espetacular. Os três filhos do Alairto Constante, do Campestre, são só orgulho para o paizão. Isso quando ele não precisa escolher para quem torcer, afinal, todos são goleiros e em quadra estão sempre defendendo times diferentes.
 
Quem começou tudo isso foi o filho mais velho, Alexandre Constante, que já disputou 14 das 31 edições do Campeonato Municipal de Futsal. Esse ano ele defende novamente a equipe da Mecânica Dalprá, onde já conquistou oito títulos.
 
O filho mais novo, Giovani Constante, defendeu muitos gols pela equipe Alphs que chegou as quartas de finais pela primeira divisão, mas não conseguiu avançar na competição. Já o do meio, o Adriel Constante, suou a camisa pelo Hollywood de Águas Frias, que nesse ano retornou a competição e está entre as quatro melhores da primeira divisão, disputando o terceiro lugar da primeira divisão contra a Madesch.
 
Com três filhos goleiros, defendendo três times diferentes, o coração do Alairto está apertado. Está difícil para saber pra quem vai a torcida, mas uma coisa é certa, o amor por eles e pelo esporte já é medalha de ouro.
 
Essas são algumas das histórias que permeiam o futsal de Vidal Ramos e todas essas emoções estarão em quadra, neste sábado, dia 27, a partir das 17h, no Ginásio Karl Stoltenberg, com disputa da medalha de bronze no feminino, segunda e primeira divisão. O espetáculo fica ainda mais bonito, logo em seguida, com os jogos que definirão os campeões nas três categorias.

Veja as fotos:

Sonia em quadra e com a netinha (Foto: Divulgação/Alinhar) Pai (12) e filho (8) defendem o título para Rio das Pacas Tiago Schmitz com a equipe Bera Futsal que também defende o título na primeira divisão Alexandre, um dos filhos do Alairto Constante e que defende o título neste sábado pela Mecânica Dalprá

PUBLICIDADE

Publicidade
Publicidade
Publicidade