publicidade

Matheus Guerreiro faz as pazes com o gol


Jogador atuou mais dentro da área, como prefere, e balançou duas vezes as redes


Escrito em 06/02/2014


O esquema tático utilizado pelo técnico Giovani Nunes, que escalou o Atlético Hermann Aichinger com três atacantes, na vitória de quarta-feira por 2 a 0 diante do Marcílio Dias, deu condições a Matheus Guerreiro jogar mais dentro da área como prefere. O resultado foi os dois gols, que ele espera que sejam os primeiros no campeonato. Artilheiro da Divisão de Acesso de 2013, quando defendia o Blumenau Esporte Clube com 17 gols. Agora o foco de Matheus Guerreiro e de seus companheiros é a partida de domingo às 17h no Estádio da Baixada, em Ibirama, diante do Figueirense.

Natural de Pelotas (RS), o atacante começou nas escolinhas do Progresso, clube que mantinha parceria com o Internacional, de Porto Alegre, onde ficou em 2006. Mas a base propriamente dita foi no Figueirense de 2008 a 2010. Como profissional o primeiro clube de Matheus Guerreiro foi o Metropolitano em 2011, marcando oito gols. Na temporada de 2012 e 2013 passou por diversos clubes gaúchos até chegar ao Blumenau no segundo semestre. “O atacante vive de gols e o esquema tático permitiu que eu jogasse sem a preocupação de voltar para marcar”. Ao contrário que muitos torcedores imaginaram o gesto de Matheus Guerreiro na comemoração não é uma “banana”. Ele explica que bate no braço simbolizando a “raça”.



O técnico Giovani Nunes não sabe se vai repetir o mesmo esquema tático no domingo. Ele depende da recuperação do zagueiro Gesiel e do meia Rodrigo Couto e ainda Marcelinho, que deixou o gramado ainda na fase inicial sentindo desconforto muscular. A única certeza é que Thiago Couto deve retornar depois da suspensão automática. O goleiro Nei e o atacante Edinho cumprem o último jogo da pena de quatro, por expulsões na última temporada. Nunes considera o Figueirense como uma equipe qualificada, mas dentro de casa para atingir o objetivo de chegar ao quadrangular, o Atlético não pode perder pontos. “Em momento algum o time vai jogar defensivamente”, complementou.

- Atlético se recupera e vence o Marcílio Dias (+fotos);
- #VÍDEO: Entrevistas pós-jogo de Atlético 02 x 00 Marcílio;

Com informações de Orlando Pereira/Imprensa CAHA


Veja as fotos:

Atacante marcou os primeiros gols no Estadual (Foto: Daniel dos Santos)

PUBLICIDADE

Publicidade
Publicidade
Publicidade